Marcha da Maconha 2014 Salvador

No dia 01 de junho, aconteceu a Marcha da Maconha 2014 em Salvador, não sabemos ao certo quantas pessoas compareceram, mas a quantidade de adoradores da Ganja presentes defendendo a bandeira da legalização da maconha no Brasil, surpreendeu até os mais otimistas. Pessoas de todas as idades, de todas as classes, espalhando mensagens de paz, liberdade, a favor da legalização, da descriminalização da maconha e gritando para o mundo ouvir que a erva precisa ser legalizada no Brasil, como já é em vários países.

Aqui vai alguns dos muitos gritos que foram cantados pela marcha:

“Ei! Polícia! Maconha é uma delícia!”

“Você pensa que maconha mata… Maconha não mata não… Maconha vem da natureza… Quem  mata é o caveirão!”

“Maconha no café, maconha no jantar! Maconha tá virando suplemento alimentar!”

“Dilma Roussef! Legaliza o beck!”

“Não tenha vergonha, porque seu filho também fuma maconha!”

“Ei usuário! Saia do armário!”

Publicidade

Todos os presentes estavam no mais alto nível de bom humor, a marcha começou as 4:20 da tarde, com uma paisagem linda de um belo dia ensolarado, saímos do Cristo da Barra em sentido as Gordinhas de Ondina. A marcha ocorreu pacificamente do início ao fim do trajeto, não houve presença da polícia em nenhum momento, o que garantiu paz total para a marcha, meio contraditório isso, não? Ausência da polícia = presença da paz! É a verdade em muitos casos, principalmente quando se tratam de manifestações… Mas isso é outro assunto.

Outra surpresa boa, foi o apoio da população que via a marcha passar, muitas pessoas nos ônibus acenavam, gritavam, batiam palmas, os motoristas dos carros e ônibus buzinavam, a interação do público com a população foi realmente única, foi uma experiência muito positiva ver que os usuários estão saindo do armário, agora que a legalização está em pauta no Brasil, a tendência é que cada vez mais os maconheiros assumam mesmo que amam a planta sem receio nenhum de preconceito por parte da sociedade.

A Marcha da Maconha, tem como finalidade, estimular reformas nas Leis e Políticas Públicas sobre a maconha e seus diversos usos; Ajudar a criar contextos sociais, políticos e culturais onde todos os cidadãos brasileiros possam se manifestar de forma livre e democrática a respeito das políticas e leis sobre drogas; Exigir formas de elaboração e aplicação dessas políticas e leis que sejam mais transparente, justas, eficazes e pragmáticas, respeitando a cidadania e os Direitos Humanos.

Levante sua bandeira da legalização, lute pelos seus direitos. Maconha salva, proibicionismo mata.

Em breve postaremos um vídeo da marcha!  Enquanto isso…

…Confira a galeria de fotos:

[envira-gallery id=”62″]

 

Comments

comments

The following two tabs change content below.