colorado-rico-maconha

Colorado está enriquecendo muito com maconha legal e poderá devolver dinheiro aos cidadãos

O Estado do Colorado nos EUA, está ficando tão rico com a arrecadação de impostos cobrados sobre a indústria da maconha, que poderá devolver parte do dinheiro para seus cidadãos. É o que diz uma reportagem recente da AP feita pela repórter  Kristen Wyatt sobre como a indústria canábica vem crescendo no estado da Rocky Montain.

A lei que legalizou a maconha no estado foi aprovada pelos eleitores no intuito de reverter as receitas para a educação e outros programas do Estado, mas uma outra lei estadual já existente, permite que os moradores recebam parte dessas receitas de volta. Como Wyatt descreveu, “a lei está cusando bastante dor de cabeça para os legisladores.” Eles estão de olho nessa fatia gorda de dinheiro que está “sobrando.”

A constituição do Estado do Colorado, define uma quantia limite que o Estado pode arrecadar sem ter que devolver dinheiro aos seus moradores. Em 1992 os eleitores do Colorado aprovaram a Taxpayers’ Bill of Rights, algo como: Projeto de Lei dos Direitos dos Contribuintes’, que contém uma emenda constitucional determinando que todos os impostos novos devem antes passar pelos eleitores. Isso significa que o Estado deve pagar de volta aos contribuintes “quando o estado arrecada mais do que é permitido por uma fórmula baseada na inflação e crescimento populacional. Ao longo dos anos, o Colorado já emitiu restituições de impostos seis vezes, num total de 3,3 bilhões de dólares.” Relatou Wyatt.

Publicidade
colorado-rico-maconha-02
Fila para comprar maconha no Estado do Colorado

Dessa forma, cada cidadão do Colorado poderá obter um desconto baseado nos 50 milhões de dólares arrecadados com impostos somente sobre a maconha recreativa no primeiro ano de legalização no Estado. “É uma questão tão bizarra que Democratas e Republicanos devem entrar em um acordo sobre a questão tributária” disse Wyatt. A arrecadação de impostos está aumentando rapidamente, o Estado está ficando cada vez mais rico e o gabinete do governador prevê que cerca de 30,5 milhões de dólares devem voltar para as mãos dos contribuintes, cerca de 7,63 dólares para cada cidadão adulto do Colorado.

Mas como político gosta muito do dinheiro alheio, os partidos políticos por lá acham “que não existe nenhum motivo plausível” para devolver o dinheiro arrecadado com a maconha para os bolsos dos cidadãos e os legisladores estão tentando de todas as formas evitar que isso aconteça. Somente se os moradores decidissem que o Estado deveria isentar os impostos sobre a maconha da obrigação de restituição, é que isso seria possível. País de primeiro mundo é outra história, o povo toma conta do dinheiro.

Os legisladores terão que decidir se as restituições irão para todos os moradores ou somente para os que compraram maconha. No passado as restituições foram pagas através de declarações de imposto de renda.

Comments

comments

The following two tabs change content below.

Lombra Staff

O blog LOMBRA é dedicado a elevar a discussão em torno da cultura canábica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *